Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

VIE EN ROSE

Desde 1989 a ver a vida em rosa.

14
Dez16

Maastricht, a primeira vez na Holanda

Ausente nos últimos dias, hoje volto com a partilha de mais uma cidade que visitei em Outubro! Maastricht fez parte da pequena roadtrip que fizemos, na qual estivemos em quatro países diferentes num único dia! É óbvio que foram visitas relâmpago, mas houveram cidades que ficamos mais tempo que outras e esta foi umas delas. Quando planeei esta pequena aventura, vi que iríamos passar bem perto da Holanda, pelo que não resisti em ir conhecer uma das suas cidades, juntando assim mais um país à lista! 

20161030_114548.jpgDSC08288.JPG

Maastricht é uma cidade universitária e é uma das mais antigas cidades da Holanda, sendo actualmente a capital da província de Limburgo. Entre as margens do rio Maas, esta cidade encontra-se bem perto da fronteira alemã e belga! Maastricht ficou conhecida internacionalmente a partir de 1992, quando nela foi assinado o Tratado da União Europeia.

Depois de estacionar o carro (perto de uma feirinha vintage que vendia roupa ao quilo!), lá fomos nós descobrir a cidade a partir da Place du Marché, onde está situado o Stadhuis (Câmara Municipal), no qual existe um carrilhão de 49 sinos na sua torre!

Apercebemos-nos logo no início da visita que a bicicleta é um dos transportes favoritos! Estava um maravilhoso dia de Outono, o que tornou a visita ainda mais agradável.

FHD0124.JPGIMG_20161030_124649.jpgDSC08300.JPG

DSC08298.JPG

Dirigimos-nos às margens do rio Maas, onde caminhamos na Maaspromenade, usufruindo do sol. Aqui demos de caras com a bonita ponte em pedra Sint Servaas, que é considerada a ponte mais antiga da Holanda! Esta foi construída pelos romanos, a qual desabou em 1275 sendo posteriormente reconstruída com arcos de pedra. A ponte foi batizada com o nome de Sint-Servaasbrug em 1930, pois até então era chamada apenas de “ponte” porque não haviam outras pontes que atravessavam o rio Maas.

Pelo caminho encontramos um autocarro turístico, bem engraçado! Era igual áqueles autocarros escolares que vemos nos filmes, e que nos fez lembrar o desenho animado A Carrinha Mágica!

20161030_125350.jpg

DSC08296.JPG

20161030_130918.jpgIMG_20161030_130513.jpg

 

IMG_20161030_125515.jpg

A principal praça de Maastricht chama-se Vrijthof, onde se encontra a basílica católica de Sint Servaas, e a igreja protestante de Sint-Janskerk (São João). Próximo da praça, encontra-se a Selexyz Dominicanen, a qual infelizmente não visitamos! Esta é uma antiga igreja que abriga actualmente uma das mais bonitas livrarias do mundo. Na Holanda, existem muitas igrejas antigas que actualmente funcionam como hotéis, residências e até restaurantes.  

Outra praça agradável é a Onze Lieve Vrouweplei, uma das mais bonitas da Holanda, com vários cafés e restaurantes. Aqui está localizada outra basílica, a Liebfrauenbasilik (Nossa Senhora), que data do século XI, a qual se assemelha a um castelo no seu exterior. A igreja abriga uma estátua da Virgem Maria “Estrela do Mar”, que é considerada milagrosa, sendo a principal atração da basílica.

20161030_140357.jpg

DSC08302.JPG

cats.jpg

Um dos pontos turísticos de Masstricht a não perder é o De Bisschopsmolen (Moinho do Bispo), o qual nos apareceu por acaso no caminho! Esta é uma padaria que vende coisas deliciosas feitas através de um antigo moinho de água! É óbvio que não resistimos em entrar dentro e comprar alguma coisa! Acabamos por nos deliciarmos com um pãozinho quente recheado com carne picada no seu interior, o qual gostamos bastante.

20161030_134359.jpg

FHD0145.JPG

cats.jpg

20161030_134244.jpg

Adoramos visitar esta cidade, e apesar de sentir que ficou muito para explorar, dei por mim a imaginar viver na Holanda! É incrível como determinados países me dão vontade de me mudar de armas e bagagens. Maastricht deixou-me ainda com mais curiosidade para visitar Amesterdão, cidade que espero conhecer em breve!

2 comentários

Comentar post

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Eu disse sim

Coleccionando lugares

Paris sera toujours Paris

Leitura

Memórias